sábado, 2 de julho de 2016

ENCONTRO DOS COORDENADORES REGIONAIS DAS ESCOLAS DAS APAES EM CURITIBA - 30/06 A 01/07/2016

ENCONTRO DOS COORDENADORES REGIONAIS DAS ESCOLAS DAS APAES EM CURITIBA - PR - 30/06 A 01/07/2016
ÁREA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL
CONSELHO REGIONAL DE CASCAVEL - PR.

QUESTIONÁRIO LEVANTAMENTO DE DADOS
EDUCAÇÃO PROFISSIONAL
CONSELHO REGIONAL DE CASCAVEL

              Segundo, o Parecer 7/2014-CEE/CEIF/CEMEP[1] do Conselho Estadual de Educação, a Educação Profissional nas Escolas das APAEs, devem ser organizadas da seguinte forma:
CURSO
PROGRAMA
PROG. EDUCACIONAL ED. PROF. FORM INICIAL
Unidade Ocupacional de Qualidade de Vida;
Unidade Ocupacional de Produção;
Unidade Ocupacional de Formação Inicial.

              Ainda, segundo o Parecer supracitado, as Unidades Ocupacionais apresentam as seguintes possiblidades:

- Unidade Ocupacional de Qualidade de Vida: visa proporcionar condições de vivências e experiências de situações que ofereçam bem-estar físico, mental e ocupacional, possibilitando a realização pessoal, o exercício da cidadania e o desenvolvimento da autonomia e de independência. Esta unidade se destina a educandos com múltiplas deficiências, que necessitam de ajuda e apoio intenso e permanente, os quais não apresentam condições cognitivas, físicas e ou psicológicas de frequentar as demais unidades ocupacionais. Para essa Unidade, a Instituição Escolar poderá organizar Relatório, descrevendo as aquisições e aproveitamento, mesmo elementares, atingidos pelos educandos, que poderão ser convertidos em documento (Certificado).

- Unidade Ocupacional de Produção: dará continuidade ao processo educacional com diferentes atividades formativas e de organização de instruções das diferentes formas de aprimoramento ocupacional. Destina-se a educandos, jovens e adultos, que apresentam condições de realizar, com segurança, operações descritas em ocupações e que necessitam do acompanhamento sistemático para o aprimoramento do desempenho, podendo avançar para a Unidade Ocupacional de Formação Inicial ou permanecer nessa Unidade em processo contínuo. Considerando que este educando poderá avançar outros níveis de desenvolvimento, a Instituição Escolar poderá conceder documento comprobatório (Certificado), a partir de registro do desempenho e da apropriação operacional da formação profissional recebida.

- Unidade Ocupacional de Formação Inicial: possibilita ao educando a aquisição de conhecimentos teóricos, técnicos e operacionais, a partir de atividades consideradas profissionalizantes, com objetivo de incluí-los socialmente, por meio do trabalho desenvolvido, tanto na escola como nas empresas. Destina-se a adolescentes, jovens e adultos com necessidades especiais, com conhecimentos sobre organização e hierarquia, formação inicial para o mundo do trabalho, iniciativa, emancipação econômica e pessoal, os quais poderão ser contratados pelas empresas em cumprimento à cota de 5%, Lei n.º 8. 213/91 – Casa Civil.

              Assim, a Federação Estadual das APAEs do Estado do Paraná solicita a Coordenadoria Regional de Educação Profissional um levantamento de como esta organizada a Educação Profissional nas Escolas de Educação Básica, na Modalidade Educação Especial, a partir da proposta do Parecer 07/2014, do CEE/R.

              Então, a partir da solicitação da FEAPAEs - PR, segue, logo abaixo, Levantamento de dados da Vossa Escola em relação a Educação Profissional, conforme o parecer supracitado.

              Informamos ainda, que necessitamos, com urgência, das Repostas do Levantamento da Educação Profissional até a data de 14/06/2016, pois, teremos que, tabular as respostas para podermos fazermos uma apresentação da realidade da Educação Profissional no nosso Conselho no dia 01/07/2016, no Encontro de Coordenadores Regionais das Áreas de: Educação e Ação Pedagógica; Educação Física, Desporto e Lazer; Educação para o Trabalho Emprego e Renda da FEAPAES/PR, que será realizado nos dias 30 de junho e 1º de julho de 2016, em Curitiba / PR, conforme Ofício Circular nº 045/2016, de 08 de junho de 2016 (segue em anexo).

              Assim, contamos com as vossas colaborações em prol dos alunos com deficiência intelectual e múltipla para que, possamos tornar a inclusão profissional dos nossos alunos uma realidade.


Vera Lúcia Pereira de Souza
APAE de Nova Aurora
Coordenadora Regional de
Educação Profissional do Conselho de Cascavel – PR
E-mail: veralucpsouza@yahoo.com.br (particular)
E-mail: apaenovaaurora@yahoo.com.br (APAE Nova Aurora)

LEVANTAMENTO DA EDUCAÇÃO PROFISSIONAL / 2016


CONSELHO REGIONAL DE CASCAVEL

NOME DA APAE:

NOME DA ESCOLA:

TEL/CEL.:

E-MAIL:
NOME DO (A) PRESIDENTE (A):

TEL/CEL.:

E-MAIL:
NOME DO (A) DIRETOR (A):

TEL/CEL.:

E-MAIL:
QUANTIDADE DE PROFESSORES DA EDUCAÇÃO PROFISSIONAL:

QUANTIDADE DE INSTRUTORES DA EDUCAÇÃO PROFISSIONAL

1. Quantos alunos frequentam a Educação Profissional?
                                                                                                                                            

2. Qual a quantidade de alunos matriculados na educação profissional nas seguintes faixas etárias?
(  ) 16 a 20 anos
(  ) 21 a 30 anos
(  ) 31 a 40 anos
(  ) 41 a 50 anos
(  ) 51 a 60 anos
(  ) acima de 61 anos

3. Quantos alunos da educação profissional apresentam múltipla deficiência?
                                                                                                                                            

4. Quantos alunos da educação profissional frequentam a Unidade Ocupacional de Qualidade de Vida?
                                                                                                                                            
4.1 Qual a quantidade de alunos da dessa unidade por faixa etária?
(  ) 16 a 20 anos
(  ) 21 a 30 anos
(  ) 31 a 40 anos
(  ) 41 a 50 anos
(  ) 51 a 60 anos
(  ) acima de 61 anos

5. Quantos alunos da educação profissional frequentam a Unidade Ocupacional de Produção?
                                                                                                                                            

5.1 Qual a quantidade de alunos da dessa unidade por faixa etária?
(  ) 16 a 20 anos
(  ) 21 a 30 anos
(  ) 31 a 40 anos
(  ) 41 a 50 anos
(  ) 51 a 60 anos
(  ) acima de 61 anos

6. Quantos alunos da educação profissional frequentam a Unidade Ocupacional de Formação Inicial?
                                                                                                                                            
6.1 Qual a quantidade de alunos da dessa unidade por faixa etária?
(  ) 16 a 20 anos
(  ) 21 a 30 anos
(  ) 31 a 40 anos
(  ) 41 a 50 anos
(  ) 51 a 60 anos
(  ) acima de 61 anos

7. Quantos alunos da educação profissional estão trabalhando no mercado formal (registrado com carteira de trabalho)?
                                                                                                                                            





Postar um comentário