domingo, 2 de setembro de 2012

8 Dicas para transformar a aula em uma fábrica de idéias



8 Dicas para transformar a aula em uma fábrica de idéias, 28/08/2012


              Pensar de maneira inovadora é um dos principais requisitos do mercado de trabalho atualmente. Fazer com que os estudantes sejam capazes de realizar esse processo é a grande preocupação dos professores. Saiba como fazer isso.

              Existe uma série de práticas capaz de ajudar os estudantes a desenvolver todas as características necessárias para se tornarem inovadores.

              Uma das maiores preocupações dos professores hoje em dia é transformar os seus alunos nos próximos inovadores. Seja lá em qual área esses estudantes pretendam se inserir, a maneira como mercado de trabalho se configura atualmente exige criatividade e capacidade de oferecer soluções inovadoras.

              Mas como os professores podem incentivar os seus alunos a desenvolverem essas habilidades sem deixar de lado as necessidades tradicionais demandadas pelos estudantes? Existe uma série de práticas capaz de ajudar os estudantes a desenvolver todas as características necessárias para se tornarem “inovadores”.
             
Como transformar a aula em uma fábrica de idéias

              1. Esteja aberto a perguntas autênticas.
              Bons projetos só começam a partir de boas perguntas. Escute com muita atenção o que os seus alunos têm a dizer para descobrir o que desperta a curiosidade deles. Ao invés de apresentar aos seus alunos exatamente o que eles precisam fazer, convide-os a ajudar você na construção de novos projetos.

              2. Encoraje o trabalho em equipe.
              Os projetos realizados em sala de aula oferecem o contexto ideal para desenvolver as habilidades de colaboração que os estudantes necessitam. Ensine aos seus alunos como dividir um grande projeto em pequenas partes e mostre como cada um deles pode se responsabilizar por essas partes. Você pode incentivá-los oferecendo exemplos de inovação que não teriam dado certo sem esforço conjunto.

              3. Esteja pronto para crescer.
              Pessoas inovadoras têm tendência a pensar grande. Eles sabem como usar ferramentas de redes de contatos e até mesmo como utilizar uma boa idéia, portanto, não têm limites para suas possibilidades. Encoraje os seus alunos a dividir os projetos individuais com pessoas além da sala de aula, especialmente por meio de ferramentas digitais, como o Facebook ou o YouTube.

              4. Aumente a empatia.
              A inovação não acontece de repente. Pessoas inovadoras que possuem essa característica são capazes de sair da sua própria perspectiva e olhar uma situação sob os mais diversos ângulos. Ensine aos seus alunos que se aproximar de um problema dessa maneira pode levá-los a soluções mais eficientes. Mostre a eles que estratégias de observação de campo, grupos focais ou entrevistas, por exemplo, são ferramentas que podem mostrar como os demais imaginam aquele projeto.

              5. Descubra as paixões.
              A paixão é o que mantém os inovadores motivados a persistir em um objetivo, independente de todos os problemas que possam aparecer durante as tentativas de alcançá-lo. Descubra o que desperta o interesse dos seus estudantes, saiba sobre o que eles mais gostam de falar fora dos limites do colégio e procure oportunidades de conectar esses assuntos à rotina das aulas.

              6. Amplifique idéias valiosas.
              Nos dias de hoje qualquer coisa pode ser largamente divulgada sem gastar muito por isso. Mostre aos seus estudantes que você reconhece o esforço deles e divulgue as melhores idéias em redes sociais, blogs e até mesmo plataformas de croudsourcing. Dessa maneira os alunos se sentirão incentivados e continuarão a produzir boas idéias. Entretanto, é fundamental que você lembre a eles de que essas idéias precisam ser aplicáveis.

              7. Saiba quando dizer não.
              Como professor o seu papel é incentivar os estudantes, mas isso não significa apoiar toda e qualquer idéia sugerida por eles. Seja crítico e saiba quando dizer não para uma idéia relativamente fraca. É importante que você seja capaz de justificar a negativa, portanto, pense bem antes de eliminar ou apoiar uma idéia fornecida por um dos seus alunos. Caso você recuse uma idéia sem explicações, pode acabar com a confiança do seu estudante.

              8. Encoraje os avanços.
              Provavelmente os seus estudantes não terão idéias inovadoras a cada projeto proposto por você, mas você pode sempre incentivá-los a desenvolver o pensamento criativo. Uma boa saída para encorajar os alunos a pensar de maneira inovadora é dar exemplos da vida real e compartilhar histórias.

Fonte: Universia Brasil - 


* Lucia Miyake *
LuMiy´s Blog Visão e Percepção

Postar um comentário