domingo, 30 de março de 2014

PLANO DE AULA - EDUCAÇÃO ÉTNICO-RACIAL NO ENSINO FUNDAMENTAL

PLANO DE AULA


EDUCAÇÃO ÉTNICO-RACIAL NO ENSINO FUNDAMENTAL
SOUZA, Vera Lúcia Pereira de.



Público-Alvo: Educandos do Ensino Fundamental – Série Inicial - com deficiência intelectual e múltipla deficiência.

Perfil da turma: Os educandos dessa turma não dominam a leitura e a escrita.

Dados da Atividade

O que o educando poderá aprender com esta atividade:
- Aprender a respeito da diversidade cultural e lúdica dos países africanos, por meio dinâmicas e brincadeiras populares deste continente.
- Aprender os regulamentos e estimular o pensamento logico-estratégico das crianças por meio dos jogos.
- Aprender a desenvolver a percepção do seu próprio corpo em relação ao tempo e espaço em que se concretizam os movimentos das brincadeiras.

Duração das atividades

Cada atividade terá um tempo aproximado de 30 minutos.

Atividade 1 – Onde tudo começou
Duração: 30 minutos
Material: vídeos da internet
Local: sala de apoio pedagógico no computador            
Para iniciar o tema dos jogos e brincadeiras provenientes de países africanos a professora do ensino fundamental, fará uma breve contextualização sobre a diversidade cultural e natural do continente africano por meio de vídeos da internet.

Vídeos que serão utilizados na aula
- Reportagem produzida pela EPTV Campinas, afiliada da Rede Globo, sobre a África. Uma viagem pela vida selvagem da África do Sul, Botswana, Namíbia, Zimbabwe e Zâmbia. Duração: 5’23”. Disponível em:

- Reportagem produzida pela EPTV Campinas, afiliada da Rede Globo, sobre a África. Uma viagem pela vida selvagem da África do Sul, Botswana, Namí­bia, Zimbabwe e Zâmbia. Duração: 8’55”. Disponível em:

- Imagens de cidades do continente africano que, não são mostradas nos livros didáticos. Somente com uma boa pesquisa, podemos ver o outro lado do continente africano que não nos é mostrado. Duração: 5’44”. Disponível em: <http://www.youtube.com/watch?v=3vllE0-Xuo0&feature=related>.

Após assistirem aos vídeos, a professora solicitará aos educandos que façam desenhos representando os vídeos. A professora pedirá aos educandos que façam uma leitura dos desenhos feitos. Por meio desta atividade a professora instigará os educandos sobre a cultura étnico-racial, explorará o respeito ao nosso planeta e a todos as pessoas que vivem em nosso planeta. A professora explicará que, é muito bom termos uma diversidade de etnias em nosso país. Esta atividade será a oportunidade de promover o respeito pelas várias etnias existentes.

Atividade 2 – Dinâmica das Cores

Recursos necessários:
- Lápis de cores (várias cores e/ou giz, também de várias);
- Aparelho de som.
A professora levará um aparelho de som para a sala de aula e colocará uma música suave. Espalhará vários lápis ou gizes de cera, de várias cores, sobre a mesa e pedira para os educandos escolherem a cor que mais lhes agrada. Terá cores iguais e cores diferentes. A professora conversará com os educandos sobre como seria o mundo se tudo fosse de uma só cor... vermelho, por exemplo; e se tudo fosse azul? Ou branco? Será que os educandos comeriam uma banana azul? Ou um morango cinza? Sim? Não? Por quê?
A professora perguntará se é bom haver cores diferentes e por quê.
Depois, a professora pedirá que os educando olhem uns para os outros. Assim como as cores, cada um é diferente. Muitas coisas variam: cor e tipo de cabelo, formato e cor dos olhos, tamanho do nariz, altura, cor da pele... A professora perguntará que cor de lápis ou giz é mais parecida com a cor da pele de cada um. (Caso algum educando diga que sua cor é “feia”, a professora trabalhará, que não existe cor feia, que as cores fazem parte das nossas vidas).


Atividade – 3

Será apresentado o desenho animado “A história de Kirikou”. O desenho animado mostra o cotidiano de uma aldeia senegalesa e retrata uma lenda da África Ocidental.   Duração: 23’31”. Disponível em:
Após assistirem ao desenho animado, os educandos montarão um painel, com recortes de revistas, jornais, sobre a cultura africana.

Atividade – 4

A professora, juntamente com os educandos procurará em revistas, na internet, livros, jornais, figuras de personagens negros ou afros descendentes, para conversação e montagem de um painel. A professora, também, fará a leitura de algumas biografias de pessoas negras: Pelé, Mandela, Zumbi dos Palmares. Após montagem do painel, o mesmo será exposto para que toda a Escola possa ver e fazer uma reflexão sobre a vida das pessoas negras no Brasil e no mundo.
 
Avaliação
 

Ao final das atividades, a professora pedirá aos educandos que relatem para os pais tudo que foi aprendido na aula. A professora solicitará aos educandos, que peçam aos pais para escreverem, um breve comentário, sobre as atividades que foram desenvolvidas.
Postar um comentário